Filme: O Príncipe do Deserto (Black Gold)


Titulo Original: Black Gold
Titulo no Brasil: O Príncipe do Deserto
Data de Estréia: 13/04/2012
Gênero: Drama
País de origem: França / Itália / Qatar
Ano de lançamento: 2011
Tempo de duração: 130 minutos
Direção: Jean-Jacques Annaud
Estudio: Warner Bros. Pictures

Vote nesse filme:
5 votes, average: 2,40 out of 55 votes, average: 2,40 out of 55 votes, average: 2,40 out of 55 votes, average: 2,40 out of 55 votes, average: 2,40 out of 5 (5 votos, Média: 12)
Loading...

 

Sinopse:

No filme O Príncipe do Deserto (Black Gold), se passa no início do Século 20, na Arábia. Sob o impiedoso céu do deserto, dois líderes guerreiros se enfrentam cara a cara. Os corpos de seus soldados estão espalhados pelo campo de batalha.

O vitorioso Nesib, Emir de Hobeika (Antonio Banderas), dita seus termos de paz para o rival Ammar, Sultão de Salmaah (Mark Strong). Os dois homens concordam que nenhum deles poderá reclamar a terra de ninguém entre eles, chamada de Faixa Amarela. Em troca, e de acordo com os costumes tribais da época, Nesib irá “adotar”- ou tomar como reféns – os dois filhos de Ammar, Saleeh (Akin Gazi) e Auda (Tahar Rahim); uma garantia de que nenhum deles possa invadir o território do outro.

Anos depois, Saleeh e Auda cresceram e se tornaram homens jovens. Saleeh, o guerreiro, quer escapar de sua prisão dourada e retornar à terra de seu pai. Auda só se importa com livros e com a busca pelo conhecimento.

Um dia, Nesib, seu pai adotivo, é visitado por um americano, homem da indústria petrolífera do Texas (Corey Johnson). Ele diz ao Emir que sua terra é abençoada com petróleo e lhe promete riquezas além da imaginação. Nesib imagina um mundo de possibilidades infinitas, um reino com estradas, escolas e hospitais, tudo pago pelo ouro negro que existe sob a areia estéril.

Só há um problema. O precioso petróleo fica na Faixa Amarela.

Saleeh é morto ao tentar fugir para o reino do pai. A tarefa de negociar a paz entre os dois reinos fica a cargo do jovem Auda. Nesib planeja o casamento de sua bela filha, a Princesa Leyla (Freida Pinto), com Auda.

Embora essa união seja fruto da conveniência política, livrando Nesib de suas obrigações finais no tratado de paz com Ammar, para Auda e Leyla seu casamento é o símbolo de um novo começo, um amor que começou em sua infância e uma chance de mudar o mundo ao redor deles.

Auda é enviado a Salmaah como emissário da paz. Reunido com o pai, Ammar, ele descobre uma nova perspectiva de vida, baseada na devoção, espiritualidade e humildade. Seu pai lhe oferece uma tarefa aparentemente impossível: cruzar o perigoso deserto da Casa de Alá, junto com o meio-irmão Ali (Riz Ahmed), como uma isca, acompanhado apenas de um exército de ladrões.

O plano é enganar Nesib e permitir que Ammar mobilize seu verdadeiro exército e conquiste o reino de Hobeika. Durante uma jornada repleta de batalhas espetaculares contra tribos e clãs rivais, na qual ele liberta a bela escrava Aicha (Liya Kebede), Auda se transforma de bibliotecário em um verdadeiro líder.

O palco está montado para uma disputa épica pelo controle da Faixa Amarela, pelo controle dos dois reinos – pelo controle do futuro.



Indique o filme O Príncipe do Deserto (Black Gold): Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no Delicious Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no digg Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no facebook Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no Google BookMarks Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no MySpace Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no twitter Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no Windows Live Compartilhe O Príncipe do Deserto (Black Gold) no  UEBA  


Elenco (tags): , , , , , , , , ,


Comente o filme O Príncipe do Deserto (Black Gold)



« »